• Rita Sousa

Aplicativo que identifica os cantos dos pássaros

Atualizado: 27 de fev.


Aplicativo que identifica os cantos das aves
Pagina inicial - BirdNET

Já imaginou descobrir que passarinho está cantando?


Sonho? Nada! É real, e este aplicativo em especial, tem me ajudado bastante nos estudos e trabalhos ornitológicos, além do Merlin.


Bem, eu contei um pouco sobre o aplicativo Merlin em outros textos e vídeos, mas até o momento (janeiro de 2022) o link Sound ID não funciona bem para as aves do Brasil, mas isso não quer dizer que a Universidade The Cornell esteja de braços cruzados para isso.


Pelo contrário, com apoio financeiro europeu e unida às plataformas eBird, Xeno-Canto e Chemnitz University of Technology, a equipe multidisciplinar de biólogos e engenheiros desenvolveram um aplicativo que utiliza inteligência artificial para identificar os cantos das aves, o BirdNET.


Claro que ainda há muito o que compreender sobre as diversas “falas dos passarinhos", mas com acervos expressivos de gravações, observações e boa vontade de milhares de pessoas ao redor do mundo, vamos descobrindo juntos os enigmas musicais da banda avifauna.


Tenho certeza que a prática da observação de aves dará um salto com a chegada desse aplicativo aqui no Brasil, afinal, nem todo mundo têm câmera fotográfica, mas celular…


Como passarinhar com o BirdNET?

A técnica vai estimular você a querer cada vez mais. É maravilhoso gravar as vocalizações e analisar qual ave provavelmente está cantando.

O aplicativo utiliza o microfone do próprio celular e vou explicar sobre essa possibilidade. A ideia aqui é estimular seu aprendizado com o que você tem agora, para auxiliar a desvendar cantos misteriosos que cercam sua rotina.

Aproveite os momentos que estiver nas áreas naturais para silenciar e somente gravar. Assistir as apresentações das aves ao vivo e escutar a orquestra matinal, ativará partes em seu cérebro que contribui para a memorização.


Acredite, será melhor para sua experiência, gravar no campo e analisar (ouvir os áudios) em casa. Garanto que será ótimo para você e também para a ave, pois reproduzir o som no celular, poderá deixar o passarinho confuso e até mesmo estressá-lo. Tem espécies territorialistas, migratórias, ameaçadas de extinção que precisamos respeitar.


Por tudo isso recomendo, quando estiver entregue a natureza, relaxe, escute e grave. Faço esse alerta para incentivar sempre as boas práticas na observação de aves, os animais já sofrem bastante com todas ações humanas. Caso você queira ter certeza da captação do som, utilize um fone de ouvido ou diminua o volume de tal forma que somente você possa ouvir o canto.


O ideal mesmo é você gravar no campo e analisar os áudios somente em momento de estudo, no conforto da sua casa. A gente aprende muito mais se analisar canto por canto, comparar com outros áudios, realizar anotações no eBird e associar com a pesquisa das espécies prováveis.


Dica de ouro:

Movimentos devem ser evitados, para diminuir ruídos que possam prejudicar a gravação, seja pela roupa ou tipo de terreno que está pisando. Silencie o corpo e aperte o microfone.


Todo som ambiente será captado nas gravações, o que dificulta as análises corretas. A poluição sonora das cidades, muitas vezes nem dão chance de registrar um som límpido. Entre o sim ou não? Grave sempre, por mais que o aplicativo não consiga reconhecer a espécie, tente você mesmo.


Baixei O BirdNET e agora?



Grave os sons das aves e reconheça as espécies através de aplicativo gratuito
Exemplo de gravação salva

Ao iniciar o aplicativo, ele já irá começar a registrar os sons, perceba que surge na tela um espectrograma. Quando você gravar pelo menos uma frase inteira, selecione a área que corresponde às vocalizações e clique em salvar.

Pronto, você tem sua primeira vocalização.


Para realizar outras, clique no ícone voltar (canto superior direito do espectrograma), o aplicativo começará a captar os registros novamente e para gravar, você sempre terá que selecionar a área desejada e salvar.


IdentifiCAnTo

A identificação artificial do BirdNET não é 100% certeira, até porque a qualidade do áudio submetido à plataforma é essencial para reconhecer a frequência, frases, sílabas e tempo das diversas vocalizações.


Para acessar as gravações, clique no menu disponível no canto superior esquerdo da tela. Selecione a pasta Mostrar observações, o resultado é uma lista de gravações que você realizou, com data, hora e local.




Cada arquivo possui um número correspondente à quantidade gravada em seu dispositivo.

Os dados novos aparecem como "Não analisado". Já os identificados, recebem título com o nome da espécie que o aplicativo reconheceu.


Para analisar as vocalizações é necessário submeter o áudio aos especialistas robóticos, para tanto é só abrir o áudio e escolher o botão analisar. Será questão de segundos para o aplicativo sugerir a lista de espécies detectadas, que são classificadas por probabilidade de identificação (provável, quase certo, incerto).


Que máximo, mas o BirdNET não é uma “pílula mágica”!

gif

Calma, o aplicativo dará a direção a qual você deve seguir seus estudos. Por isso, sempre analise os resultados confrontando os dados em outras plataformas, isso trará mais conhecimento e deixará seus ouvidos “mais afinados”.


O “canto da vez” é você comparar suas gravações, sempre.


A identificação de aves envolverá a comparação entre os espécimes registrados, seja em livros ou sites. Para os áudios, recomendo os arquivos do WikiAves e Xeno-Canto, basta colocar o nome da espécie e escutar vários cantos diferentes.


Nestes momentos, alterne os áudios, escute seu arquivo e em seguida outra gravação.

Prefira escutar as espécies que foram gravadas em sua região, passarinhos tem sotaques, lembra?


Eu sei o quanto é difícil diferenciar os chamados das aves, são tantos pios que confunde mesmo, por isso conto para todo mundo sobre o BirdNET, ele é gratuito e ainda promove a ciência cidadã.

Enfim, você consegue baixar o aplicativo pela Play Store.




Fez tudo certinho e ainda tá com aquela dúvida e quer pedir outras opiniões?

Você pode compartilhar os áudios no whatsapp ou com outros aplicativos, incluindo o Google Drive, como sugestão: salve as gravações separadas por pastas em seu Drive e submeta as plataformas e-Bird e/ou Wikiaves. Eu ainda tenho tudo no celular, afinal, estou testando algumas possibilidades de aprendizados para compartilhar com vocês em nossas redes sociais digitais.


Espero que 2022 seja mais sinfônico para você!


106 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo